Saúde do bebê

Gêmeas Antônia e Vitória

gemeas

Outro dia conheci duas irmãzinhas fofas no aeroporto de Porto Alegre. Me chamou atenção o fato de elas estarem usando um capacete cada uma. Curiosa, fui conversar com os pais delas e pedi que me enviassem a história delas para compartilhar aqui no site. Quanta coisa acontece por aí e a gente nem imagina! Espero que  divulgando a história desta família esteja ajudando não somente a elas, mas a outras famílias que estejam passando pela mesma situação.

Ah, e as gurias estão de aniversário hoje!!! Saúde e felicidade para elas!!

           As gêmeas da foto em anexo, Antônia Passos de Morais e Vitória Passos de Morais estão fazendo um tratamento médico para correção de plagiocefalia posicional. Essa patologia é uma assimetria craniana, que quando não corrigida está relacionada ao desenvolvimento de problemas de oclusão dentária, perda de campo visual e maior dificuldade no aprendizado escolar, além de implicações estéticas.

        Os pais Lucas Vasata de Morais e Fernanda Gonzalez Passos sempre desconfiaram de algum problema desde que as gêmeas nasceram, em 16/04/2013. O diagnóstico inicial aos 8 meses, foi só para a Antônia (à esquerda), que além da assimetria mais visível, tem torcicolo congênito (fica com o pescoço torto). Após o início do tratamento da Antônia, aos 9 meses, também foi diagnosticado plagiocefalia na Vitória, que iniciou o mesmo tratamento com 10 meses.

          O tratamento corretivo com uso de órtese, há pouco tempo no Brasil e de custo elevado (cerca de R$ 13.000 cada, sem falar das passagens aéreas frequentes), somente disponível na clínica Cranial Care, em São Paulo, consiste no uso de uma espécie de “capacetinho”, órtese craniana importada sob medida para corrigir a assimetria do crânio. O tratamento inclui consultas quinzenais durante todo o tratamento, que tem previsão entre 3 e 5 meses de duração. Vale ressaltar que as gurias tem todos os pré requisitos para fazer esse tratamento: estão dentro da janela terapêutica (até 1 ano e meio para iniciar o tratamento) e não necessitam de correção cirúrgica.

            A família está realizando campanha na internet para arrecadar valores que ajudem nos tratamentos (facebook “Vasatas Vasatas” e blog http://www.as-gemeas-precisam-de-voce.webnode.com) e vendendo rifas, o que já motivou 4 reportagens da Record RS. Inclusive, já está em andamento a 3º rifa para ajudar a custear as despesas, agora de um Smartphone Moto G!

          Uma amiga está organizando um evento beneficente dia 18 de maio no Clube Comercial Sarandi (telefone 51 3364-2611), em Porto Alegre, o qual cedeu gentilmente suas instalações. A família convida todos a participarem e se coloca a disposição pelo telefone (51) 9156-9561 ou pelo mail lucasvasata@hotmail.com.

                Qualquer ajuda para as gêmeas, que estão em tratamento, será muito bem vinda.

Anúncios

2 comentários em “Gêmeas Antônia e Vitória”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s