Cuidados com o bebê, Segurança

Andador: usar ou não usar?

AndadorHá muito o uso de andadores é assunto polêmico. Em alguns países, como o Canadá, seu uso já está proibido desde 2007 e outros países tentam fazer o mesmo.

Adorado por muitas mães, que dizem que o aparelho traz mais independência ao bebê, que elas ficam mais livres para realizar suas tarefas, deixando-os sozinhos (quando justamente deveriam fazer o contrário, uso de andador = atenção redobrada), o andador é alvo de muitas discussões envolvendo sua segurança.

A SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria) afirma que seu uso é inútil quando a questão é o desenvolvimento da marcha, prejudicando o desenvolvimento de músculos, atrasando o desenvolvimento motor e que seu uso pode levar à acidentes graves, levando à morte.

Segundo a Academia Americana de Pediatria, dez atendimentos nas emergências para cada mil crianças de até 1 ano são provocados pelo uso do andador a cada ano. Um terço destas ocorrências são de traumas graves.

Um bebê não precisa de independência, ele precisa de cuidado, pois não tem a mínima noção do perigo. Ele precisa, sim, ter o direito de desenvolver a seu tempo, cada uma das etapas psicomotoras de seu desenvolvimento. Firmar a cabecinha, as costinhas, ficar sentado, apoiar-se de quatro, engatinhar, impulsionar para ficar de pé, ficar de pé e dar seus primeiros passos. Em que tempo será isso, só ele sabe. Cada bebê é único, não adianta ficar comparando com o filho da vizinha que aprendeu a andar com 7 meses. Se o seu bebê é saudável, vai chegar o dia em que todas estas coisas vão acontecer, uma a uma. E é lindo de se ver!

Se a mamãe precisa de mais liberdade para realizar suas tarefas, compre um cercadinho, encha de brinquedos seguros e o bebê irá se distrair por um bom tempo. Com segurança.

Anúncios

7 comentários em “Andador: usar ou não usar?”

  1. Boa noite…. a função do andador e apenas dar o suporte para a criança poder andar…. e nao com 6 meses. Uma coisa é certa perigo de criança sozinha é fato, com andador ou sem andador. Minha filha foi para o andador com 11 meses, usei ele como suporte para ela poder andar, isto é, ele tem que sre colocado com a criança dentro para ela sentar e descansar em uma altura mais baixa, e não na mesma altura para a criança andar sentado, o andador é pra que a criança se equilibre, as pernas vão ficar tortas se você colocar na mesma altura a criança do andador e ela andar sentada…. minha filha usou bastante, hoje ela tem 9 anos é bailarina e nao tem as pernas tortas, porque eu usei o andador da forma correta. Alias, eu também usei andador hoje tenho 33 anos e nao tenho as pernas tortas e meus irmão também usaram, o segredo é usar corretamente e na idade certa.

    Curtir

    1. Gostei do comentário, so me esclarece uma duvida,rsrsrs. Eu vou comprar para meu sobrinho de 8meses então tem de ajustar a uma altura que ele fique tipo “em pé” com as perninhas estiradas?

      Curtir

  2. Olá, particularmente não gosto dos andadores tradicionais….meus filhos nunca usaram e sempre prezei muito pela segurança deles, já fiquei sabendo de vários acidentes em bebês pelo meu pediatra….me indicaram um andador diferente dos tradicionais, e tipo um macacãozinho que uso na minha filha, a Aninha adora e minhas costas agradecem muito!!.rs , …comprei o meu no site http://www.andanenem.com.br. Parabéns ao comentário da Raphaela que usou de forma consciente.

    Curtir

  3. Olha , eu estou quase comprando um . Meu filho tem 1 ano e 3 meses e ainda não anda . Ele só fica em pe apoiado em algum móvel. E o pior , ele aprendeu a andar de joelhos . Ele fica de joelhos , sem as mãos no chão e sai “andando”… E qd nós colocamos ele no chão ou pegamos pela mãozinho p tentar andar com ele , ele encolhe as penas …. se joga e fica de joelhos … Eu já estou ficando desesperada com medo do meu filho não andar. Comprei esses andadores modernos q eh só o carrinho p bebe se apoiar e empurrar, mas ele empurra de joelhos…. preciso de um andador q impeça o meu filho a ficar de joelhos pra andar. E acho q no meu caso o andador tradicional irá ajudar sim.

    Curtir

    1. Fabiana, o andador está proibido no Brasil. Infelizmente, algumas lojas ainda vendem, mas deveriam ser denunciadas. Crianças morrem ou sofrem graves lesões anualmente pelo uso do andador. Além disso, ele não ajuda em nada no desenvolvimento da criança, muito pelo contrário! Os pais tem a falsa ilusão de que o bebê está aprendendo com o aparelho, mas não está. Quanto a seu filho, cada criança tem seu tempo para cada etapa do desenvolvimento, do falar, do andar e tudo o mais. Se você já levou seu bebê ao pediatra e o mesmo não identificou nenhum tipo de problema físico, não se preocupe. Dê o tempo que seu filho precisa. Estimule-o na medida certa. Incentive-o.E não se preocupe se o filho da vizinha começou a andar com 1 ano ou a falar com 11 meses. Cada bebê é único. Se o seu bebê é saudável, ele também vai andar no tempo dele. Beijos, querida!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s